I SEMANA DE JORNALISMO

I Semana de Jornalismo da UFRN termina nesta sexta-feira (12)

“Tudo que é bom dura pouco”, assim já diz o conhecido ditado. Pois é, a 1ª Semana de Jornalismo da UFRN está chegando ao fim. O evento, que teve início nesta segunda (08), é finalizado na noite desta sexta (12) com mesa redonda abordando o tema “Jornalismo e Literatura: (des)concertos”, que ocorrerá no auditório do Decom e contará também com o lançamento do e-book Jornalistas escritores do RN: entrevistas.

Durante toda semana foram realizadas atividades voltadas para área do jornalismo bem como da comunicação. O evento, organizado pela professora Socorro Veloso (coordenadora-geral) juntamente com alunos de graduação, ofereceu uma série de atividades como: minicursos, oficinas (como Produção de TCC, Ser youtube, Escrita criativa, dentre outras), mesas redondas, e mostras de fotojornalismo e documentários. Além disso, contou também com a participação de profissionais tanto do mercado como da academia.

Trazendo por tema central “Novos Formatos e Novas Linguagens”, o evento abriu espaço para discussão de relevantes questões acerca da área do jornalismo. E muita coisa importante aconteceu durante esses dias. Na mesa redonda de terça (09), “As práticas jornalísticas no cenário da comunicação em rede”, discorreu-se a respeito do atual contexto jornalístico, os desafios do mercado, e o papel deste profissional na sociedade. Abordando o tema central da Semana, a mesa redonda da quarta (10), questionou o tema a respeito do rumos do jornalismo, levando em consideração as mudanças causadas pela internet, e o surgimento de novos formatos de produção e novas linguagens como sua consequência.

Para Antonino Condorelli, professor do departamento e ministrante de uma das oficinas desta sexta, a 1ª Semana de Jornalismo é “uma iniciativa necessária, pois o jornalismo passa por uma reconfiguração, trazendo mudanças nas linguagens, suportes, relações trabalhistas e no papel do jornalista na sociedade”.

Realizada pela primeira vez na Universidade, o evento se faz necessário pois oferece aos ingressantes no curso, bem como aqueles que pretendem ingressar, uma oportunidade, seja de entrar em contato com a área do jornalismo, ou de ter uma visão mais ampla a respeito da profissão, assim como também é uma experiência para os alunos.