HISTÓRIA

Por que o Tibet é importante?

O Rangzen é um projeto de extensão desenvolvido pela professora Sandra Erikson, do Departamento de Línguas Estrangeiras da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), que visa conscientizar a população natalense sobre a situação do Tibete, região ocupada pela China. A palavra que nomeia o projeto significa liberdade e resistência e tem total relação com o contexto atual do local. 

O Tibete é militarmente ocupado pela China desde 1949 e luta contra a exploração que tem sofrido. Destruição do meio ambiente, poluição de rios, animais em extinção e descongelamento de geleiras importantes da região, são alguns dos danos que afligem a localidade. Além disso, a população sofre com fortes repressões e são proibidos de expressar as práticas culturais típicas da região.

O projeto ainda tem parceria com associações, como a Students for a Free Tibet e a International Tibet Network, que agem mundialmente para divulgar e buscar apoio para a causa.