CIENTEC 2015

Segurança na Cientec é prioridade para organizadores

A segurança das mais de 20 mil pessoas que passam pela 21ª Feira de Ciência e Tecnologia (Cientec) diariamente é prioridade para os organizadores. Marcel Amorim, coordenador de segurança do trabalho da COPS (Coordenadoria de Promoção da Segurança do Trabalho e Vigilância Ambiental), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), foi o responsável pela estrutura de segurança do evento.

“A equipe trabalha no antes, juntamente com a superintendência de infraestrutura na elaboração dos projetos de combate a incêndio e liberação pelo corpo de bombeiros; durante e depois do evento”, explicou Amorim.

Ainda segundo o coordenador, a maior dificuldade da montagem da feira foi a parte elétrica. “Após o projeto pronto algumas dificuldades surgiram na parte elétrica, nós vimos alguns pontos de melhoria no tocante ao aterramento elétrico. Mas tudo foi corrigido junto à equipe de elétrica da superintendência de infraestrutura. A Cientec passou com nota 10 pelo corpo de bombeiros em relação à segurança. Além disso, por uma exigência legal nos devemos ter uma equipe de brigada de incêndio, preparada para combater o principio de incêndio caso ele venha a ocorrer”, frisou.

Amorim acredita que a antecipação com a qual começaram a planejar e montar a feira foi essencial para que tudo desse certo. A equipe de apoio totaliza mais de 300 pessoas treinadas, responsáveis pela prevenção e combate a possíveis focos de incêndio e acidentes que possam ocorrer na feira. “Por uma exigência legal nós devemos ter uma equipe de brigada, preparada para combater o princípio de incêndio caso ele venha a ocorrer e temos também uma equipe de bombeiros civis”, afirma o coordenador.

E para o próximo ano, Amorim quer crescer no número de brigadistas bem preparados, com ainda mais antecedência. “Para que possam promover a prevenção dos incêndios dos acidentes durante a Cientec”, conclui ele.